sexta-feira, 17 de julho de 2009

Um ninho vazio


Um ninho vazio

Guardo no meu peito
O ninho de um beija-flor
Que voava de leito em leito
A procura de amor

Esse é um ninho
De um pássaro que cansou de voar
Pois sempre acabava sozinho
Vendo sua vida passar

Ele aceitou sua proposta
De viver na solidão
Pois não encontrava a resposta
Pro seu alado coração

Ele conduzia seu pensamento
Voltado pro seu último amor
Mas sempre descartava sobre o vento
As pétalas de sua presente flor

Incansavelmente
Ele voava sempre mais
Inocentemente
Ele protelava sua paz

Com ele apenas restou
Um solitário e intocado ninho
Onde ele muito sonhou
Sempre... Sempre sozinho

Fernando Marques

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pixinguinha, Chico Buarque, Noel Rosa, Luís Fernando Veríssimo, Tom Jobim, Vinícius de Moraes....

Loading...