segunda-feira, 20 de julho de 2009

Artesã do amor


Artesã do amor

Com você aprendi
Que vale a pena acordar
Que vale sempre sorrir
E que devo deixa de chorar

Você veio num raio de luz
Lentamente...
E com esse olhar que me seduz
Prendeu-me loucamente

Prendi-me no teu sorriso
No teu jeito de amar
E encontro o paraíso
Quando te vejo acordar

Meu único dever na vida
É entender o amanhã
É saber que você querida
É do meu coração a artesã

Você esculpiu meu olhar
Moldou minha pele
Você entregou meu mar
Basta que em você eu me revele

E sempre que precisar
De um pouco de atenção
Vou tentar te recompensar
Segurando na tua mão

Fernando Marques

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pixinguinha, Chico Buarque, Noel Rosa, Luís Fernando Veríssimo, Tom Jobim, Vinícius de Moraes....

Loading...