sábado, 22 de agosto de 2009

Tive que abri-lo


Tive que abri-lo

Abri meu coração
Até ele ultrapassar
Toda a razão
Que vive a nos nortear

Abri meu coração
Pensando que ele era limitado
Mais juntei sentimentos numa adição
Que me mostrou o quanto ele é abastardo

Abri meu coração
Pra um sonho bonito
Que surgiu feito um clarão
Como um raio de sol infinito

Abri meu coração
Como abrimos pro Criador
E escutando uma canção
Quis ser dele o seu doador

Abri meu coração
Sem saber o que nele ia encontrar
E nele encontrei toda a razão
Que me fazia te amar

Fernando Marques

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pixinguinha, Chico Buarque, Noel Rosa, Luís Fernando Veríssimo, Tom Jobim, Vinícius de Moraes....

Loading...