quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Caleidoscópio

 
Caleidoscópio

Na mesa o vinho derramado
Maculando a tolha envaidecida
E pela casa as vestes
De uma noite atrevida

Enquanto o vento agoniza
Entre as folhas caídas
Tentando conter o ciúme
De peles tão despidas

Cora cor, cora alma
Coram paredes de cal
Com as sombras quem dançam
Uma valsa nominal

Um novo universo se cria
Na colisão de espelhos
Banhado por uma chuva de vida
Entre lábios vermelhos

Fernando Marques

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pixinguinha, Chico Buarque, Noel Rosa, Luís Fernando Veríssimo, Tom Jobim, Vinícius de Moraes....

Loading...