terça-feira, 10 de março de 2015

Sem Ele


Sem Ele...

Sonhei que o amor
Havia sido do mundo roubado
E que o ódio era o feitor
De cada casal separado

Eu vi a esperança morrer
Sob o julgo descrente
Daqueles que pensam que viver
Não passa de um ato somente

Vi crianças chorando
Do lado de caixões
E passarinhos acenando
Dando adeus as estações

Vi a escuridão
Cobrindo o mundo
E senti meu coração
Ficando num silêncio profundo

Senti o vento forte
De anunciadas tempestades
Que causam a morte
E tantas outras fatalidades

Já não existiam flores
Onde a escuridão dominava
Só predominava horrores
Pois o amor nesse sonho não estava

Rezei pra acordar
Pois era duro perceber
Que sem o amor pra nos guiar
O meu e seu mundo é triste de se ver.

Fernando Marques


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pixinguinha, Chico Buarque, Noel Rosa, Luís Fernando Veríssimo, Tom Jobim, Vinícius de Moraes....

Loading...